Punho de Ferro│Arrastada e chata ao extremo

Punho de Ferro
Muita expectativa e pouco retorno. Punho de Ferro é, até agora, o grande o fracasso da parceria Marvel-Netflix. 

Quando foi anunciada a sua produção, os fãs do herói ficaram animados com a ideia. Seria ótimo ver o grande lutador da cidade de Kun Lun em ação nas telinhas. Ainda mais sabendo do sucesso de Demolidor, Jessica Jones e, um pouco menos, de Luke Cage.

Mas não aconteceu como o esperado. Com um início promissor apresentando "Danny Rand" como um rapaz que aparece do nada na cidade de Nova York, a série começa a se arrastar sobre a retomada de sua identidade como herdeiro da "Rand Enterprises". Ficamos presos a um lenga-lenga interminável com muitos diálogos e poucas cenas de ação (todas difícil de acreditar em sua veracidade).

Finn Jones (Loras Tyrell de Games of Trones) não convenceu como o herói com força mística. Expressões e carisma zero. Por outro lado seu par romântico, Jessica Henwick, deu conta do recado com sua Collen Wing dividida entre a lealdade ao Tentáculo e a paixão recém descoberta.

Agora com os 4 heróis de rua da Marvel devidamente apresentados, veremos se Os Defensores seguirá pelo caminho das outras três produções ou irá repetir o fracasso de Punho de Ferro.

Comentários