Conheça os livros dos indicados ao Oscar 2018

Muitos dos filmes mais celebrados entre os indicados ao Oscar 2018 têm suas tramas de origem na literatura. 

De romances e contos infantis a estudos históricos e biográficos, as histórias das produções que concorreram aos prêmios de maior prestígio do cinema também podem ser conferidas nas páginas dos livros aos quais foram baseadas. 

Confira 12 livros sobre os filmes indicados ao Oscar 2018: 

O Destino de Uma Nação, de Anthony McCarten 

Filme:O Destino de Uma Nação 

Indicações: Melhor Ator, Melhor Filme, Melhor Fotografia, Melhor Maquiagem e Penteado, Melhor Design de Produção 

Sinopse: A trama do livro começa nos dias que antecedem a ascensão de Winston Churchill ao posto de primeiro-ministro da Grã-Bretanha, em maio de 1940. Churchill assumiu o cargo em meio à ameaça iminente de invasão das tropas alemãs, na Segunda Guerra Mundial. A partir de pesquisas nos Arquivos Nacionais, o autor Anthony McCarten analisa nos mínimos detalhes as ‘horas escuras’ pré-guerra. 

A Grande Jogada, de Molly Bloom

Filme: Molly´s Game 

Indicações: Melhor Roteiro Adaptado 

Sinopse: Molly Bloom deixou a carreira de atleta da seleção americana de esqui para se dedicar a um ‘esporte’ muito mais perigoso: o pôquer. Na sua autobiografia, Molly narra os bastidores dos torneios ilegais de pôquer que comandava, frequentados pelas personalidades mais ricas e influentes do mundo. Presa pelo FBI aos 36 anos, ela foi apelidada de ‘Princesa do Pôquer’ pela imprensa internacional. 

The Disaster Artist - My Life Inside The Room, The Greatest Bad Movie Ever Made 

Filme: O Artista do Desastre 

Indicações: Melhor Roteiro Adaptado 

Sinopse: O livro, co-escrito por um dos protagonistas do filme The Room, considerado o melhor “dos piores” filmes já feitos, conta a mirabolante história de bastidores da produção. Greg Sestero era um ator iniciante, quando conheceu o excêntrico Tommy Wiseau na aula de teatro. A amizade entre os dois floresceu, mas as oportunidades na carreira, não. Tommy então decidiu dirigir, produzir e estrelar seu próprio filme: um drama, que assim como o livro, provoca muitas risadas. 

Me chame pelo seu nome, de André Aciman 

Filme: Me Chame Pelo Seu Nome 

Indicações: Melhor Filme, Melhor Ator, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Canção Original 

Sinopse: Elio passa todos os verões na casa da família na costa italiana. Filho de um bem-relacionado acadêmico, Elio está acostumado com a presença frequente de artistas e intelectuais. A cada verão seu pai hospeda um estudante de literatura e arte e, desta vez, o estagiário é Oliver, um norte-americano de 24 anos. A antipatia inicial entre os dois se transforma em um romance. 

Todo o Dinheiro do Mundo, de John Pearson 

Filme: Todo o Dinheiro do Mundo 

Indicações: Melhor Ator Coadjuvante 

Sinopse: A biografia narra a história da família Getty e de seu patriarca, o bilionário magnata do petróleo, J. Paul Getty. A obra destaca os bastidores do sequestro que abalou o nome da família, quando um dos netos de Getty é sequestrado, aos 16 anos. Getty se recusa a pagar o resgate, mesmo sabendo do sofrimento do menino e sua mãe, Gail. Pearson explora as consequências do episódio e da avareza de Getty nas gerações futuras da família. 

Dunkirk, de Joshua Levine 

Filme: Dunkirk 

Indicações: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Direção de Arte, Melhor fotografia , Melhor Edição de Som, Melhor Mixagem de Som, Melhor Trilha Sonora, Melhor Edição 

Sinopse: O resultado da Segunda Guerra Mundial poderia ter sido muito diferente, se não fosse pelo “milagroso” resgate dos 300 mil homens das tropas Aliadas em 1940, do porto da cidade de Dunkirk, na França. O autor Joshua Levine tece um relato dos acontecimentos sob a perspectiva de personagens reais, de veteranos combatentes a civis. 

Mudbound – Lágrimas Sobre o Mississipi, de Hillary Jordan Mudbound 

Filme: Mudbound 

Indicações: Melhor Fotografia, Melhor Roteiro Adaptado, Melhor Atriz Coadjuvante, Música Original 

Sinopse: Laura McAllan é obrigada a deixar a cidade com as filhas e se mudar para um local inóspito no Mississipi. O irmão de Henry, seu marido, é Jamie, um soldado que retorna do front. Jamie forma uma amizade com outro ex- combatente, Ronsel. O jovem é parte da família negra de arrendatários da fazenda dos McAllen, e a relação não é aceita pelos brancos racistas da região. Enquanto isso, Laura resgata a alegria nos braços do cunhado. 

Extraordinário, de R.J. Palacio 

Filme: Extraordinário 

Indicações: Melhor Maquiagem e Penteados 

Sinopse: Extraordinário conta a história de August Pullman, o Auggie. Ele nasceu com uma séria síndrome genética, que o deixou com deformidades faciais. Auggie foi educado em casa até os 10 anos, quando então começa a frequentar uma escola de verdade. Ele luta para convencer os colegas de que é um menino como qualquer outro. 

O Touro Ferdinando, de Munro Leaf 

Filme: O Touro Ferdinando 

Indicações: Melhor Animação 

Sinopse: O livro infantil, publicado em 1938 e traduzido em mais de 60 línguas, conta a história de Ferdinando, um touro que não tem o menor interesse em touradas. Ferdinando ama a natureza e a paz, mas o mundo nem sempre aceita as personalidades como elas são de verdade. 

A Forma da Água, de Guillermo Del Toro e Daniel Kraus 

Filme: A Forma da Água 

Indicações: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Atriz, Melhor Roteiro Original, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Mixagem de Som, Melhor Edição de Som, Melhor Trilha Sonora, Melhor Design de Produção, Melhor Fotografia, Melhor Figurino, Melhor Edição 

Sinopse: O livro foi produzido depois de Guillermo Del Toro finalizar o roteiro original de seu filme homônimo. A trama se passa na década de 1960, em um laboratório secreto do governo. A auxiliar de limpeza Elisa, que é muda, se apaixona por uma criatura aquática, que é mantida em cativeiro. 

A Outra Face – A História de Uma Garota Afegã, de Deborah Ellis 

Filme: The Breadwinner 

Indicações: Melhor Animação 

Sinopse: O livro conta a história da menina afegã Parvana, de 11 anos. Quando o pai é preso e seu irmão mais velho morre, ela se disfarça como um menino para garantir o sustento da família. 

A Bela e A Fera, de Elizabeth Rudnick 

Filme: A Bela e A Fera 

Indicações: Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino 

Sinopse: O conto de fadas recriado pela Disney como animação e depois como longa-metragem foi transformado em um romance literário. Bela é uma jovem atípica da pequena cidade de Villeneuve. Obstinada por ter controle sobre suas escolhas, a vida dela muda subitamente quando o pai é aprisionado em um castelo. Para salvá-lo, ela troca de lugar com ele e passa a conviver com a misteriosa Fera.

Fonte: Livraria Saraiva

Comentários