Listas│8 Curiosidades sobre o palhaço Bozo

O palhaço Bozo fez parte da infância de muita gente, mas você sabia dessas 8 curiosidades sobre o amigo da criançada?

1. Topo das paradas de sucesso
Na verdade, Bozo começou a carreira na música. O palhaço, criado pelo produtor e escritor Alan W. Livingston – um dos gestores da Capitol Records (gravadora dos Beatles) – nasceu com um Long Play de faixas infantis cujo nome era “Bozo at the circus”. Lançado logo após o fim da Segunda Guerra Mundial nos Estados Unidos, o disco se manteve no topo da lista dos mais vendidos por quatro anos seguidos, e em 1956 já havia faturado 200 milhões de dólares. 

2. O mais famoso ficou 24 anos no ar. 

No Brasil, o Bozo foi transmitido pelo SBT de 1981 a 1991, e foi interpretado por diversas pessoas. Nos Estados Unidos também, mas Bob Well foi o ator que passou mais de duas décadas ininterruptas comandando o programa na WGN de Chicago (1960-1984). 

3. Estilistas de Hollywood ajudaram a criar o seu cabelo.

Larry Harmon, dono de O Gordo e o Magro, foi quem consagrou o visual do Bozo e o formato do programa que conhecemos até hoje. Tinha que ser diário, ao vivo, com uma plateia infantil e intercalado por desenhos animados. De roupa azul e branca, o palhaço trazia o clássico nariz grande de palhaço, mas os cabelos deveriam ser cor de laranja e espichados nas laterais. Harmon morreu em 2008, aos 83 anos, em decorrência de problemas cardíacos e, ao todo, licenciou e treinou pessoalmente cerca de 200 Bozos durante sua vida. 

4. Virou franquia reproduzida em 40 países. 

E por 240 redes de televisão, incluindo o canal brasileiro SBT. Silvio Santos lançou o Bozo por aqui no início dos anos 80 e deixou o palhaço no ar por dez anos. O programa era gravado na Rua Dona Santa Veloso, 575, Vila Guilherme, o antigo estúdio do SBT em São Paulo. Sua última transmissão rolou em março de 1991. 

5. O primeiro Bozo brasileiro foi Wandeko Pipoca. 
Em 1978 o comediante gaúcho foi selecionado pessoalmente por Larry Harmon entre centenas de outros palhaços. Pipoca ficou apenas um ano na posição e saiu, segundo especulações, porque não tinha muita paciência com crianças e chegava a xingar a molecada durante os intervalos. Em 1983 ele perdeu o comando de outro programa infantil na TV Gazeta para a dupla Atchim e Espirro. Detalhe: Wandeko é quem havia idealizado e criado a Turma da Pipoca. 

6. Ronald McDonald é filho do Bozo. 

Antes do Ronald pintar na área, Williard Scott encarnava o Bozo nos comerciais da franquia de lanchonetes norte-americana. Mais tarde a marca criou seu próprio palhaço, Ronald McDonald, mas era o mesmo Scott que o interpretava. 

7. Houve mais Bozos no Brasil do que você imagina

Arlindo Barreto chegou a revezar com Luís Ricardo, que durou até meados de 1984 em São Paulo. Mas havia outros Bozos sendo transmitidos simultaneamente pelo Brasil: Charles Myara e Nani Antunes interpretavam o palhaço na SBT Minas, enquanto Cau Alves era o Bozo da sucursal baiana do canal. Em 1985 o programa perdeu o auditório e passou a ser comandado por Décio Roberto, que transmitia de São Paulo para todo o país. 

8. “Quem sabe seu papai ou sua mamãe não gostem disso?”. 

Em entrevista à revista Trip, Arlindo Barreto, confirmou o episódio em que um garoto ligou e disse: “Ei, Bozo, vai tomar no c***”. Segundo o ex-palhaço, ele respondeu com uma pergunta bem, digamos, sugestiva. Em 1994, o Los Angeles Times também noticiou que um garoto que participava do programa havia ficado zangado com o Bozo e dito “cram it, clown”.

Fonte: Areah

Comentários